Home > Colunistas > Régis Barros: Esse livro didático explica o machismo no ensino da medicina

Régis Barros: Esse livro didático explica o machismo no ensino da medicina

De início, eu pensei que era um fake. Depois, eu imaginei que fosse uma história mal contada. Talvez, por negação, eu quisesse pensar que não era verdade. Daí, eu comecei a receber de alguns amigos as imagens com os casos clínicos descritos no link abaixo. Não são somente as imagens que são apelativas e de mal gosto. Se você tiver a paciência de ler os casos clínicos destacados no link, você perceberá o quanto é entristecedor tudo isso.

Chega a ser surreal. Um coletivo de médicos (professores e gestores do curso em questão), que se propõe a preparar outro coletivo de médicos (médicos que prestarão provas de residência), estudando com um material dessa categoria.

Ao final, alguém decide criticar, com razão, essa patuscada e a resposta ao email, pela direção do curso, é tão estarrecedora quanto as imagens e os conteúdos dos casos clínicos.

Meus queridos amigos médicos e não médicos respondam-me, por favor:

O que está acontecendo com a medicina e com alguns colegas médicos?

Perdemos a noção do senso do ridículo e daquilo que é básico à medicina e aos médicos?

Está tudo muito sofrido…

Perdemos a narrativa da medicina e nem sequer paramos para refletir sobre isso

Muito triste, mas essa é a verdade dos fatos.

Meu lamento…

Régis Barros e Médico Psiquiatra

Esse livro didático explicita o machismo no ensino da medicina

Régis Eric Maia Barros
Médico psiquiatra, Mestre e doutor em saúde mental pela FMRP-USP e membro do Movimento Médicos pela Democracia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *