Home > Colunistas > Manoel Fonseca: Olga Benário Prestes

Manoel Fonseca: Olga Benário Prestes

A jovem Olga, alemã e judia,
Participou de grupos de ativistas
Que, de assalto, então libertaria
Da prisão seu parceiro comunista.

Com Prestes, de Moscou, veio ao Brasil,
Na certeza de pronta insurreição.
Presa, pedida foi sua extradição
Por Hitler e aceita de modo vil.

Mesmo grávida, o Supremo Tribunal
Aprovou ignobil deportação,
Ferindo o Direito Internacional.

No campo de extermínio solidária,
Vitimada no holocausto nazista,
Olga vive, uma estrela libertária.
(Manoel Fonseca)

Olga foi assassinada pelos nazistas em 23/04/1942, no campo de exterminio de Bernburg, com mais 199 prisioneiras

“Tenho lutado pelo que é justo, pelo que é bom e por um mundo melhor”
Olga Benário

Manoel Dias da Fonsêca Neto
Médico sanitarista, escritor, ex-secretário da saúde de Fortaleza e um dos coordenadores do Movimento Médico pela Democracia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *