Home > Notícias > Fortaleza vai a campo contra o Vila Nova para ampliar liderança

Fortaleza vai a campo contra o Vila Nova para ampliar liderança

A fase é boa. Embalado, o Fortaleza volta a campo hoje, às 21h30min, diante do Vila Nova, no Serra Dourada, com a intenção de aumentar a gordura que possui na Série B do Campeonato Brasileiro. O Leão é o atual líder isolado, com 22 pontos, quatro a mais que o segundo colocado, o CSA-AL.

Ainda invicto, o Tricolor sabe que em toda partida é visto como “time a ser batido”, o que pode dar uma dose de motivação extra ao adversário. Engana-se, porém, quem pensa que isso incomoda.

“Nossa função é tentar adiar o máximo possível que essa derrota chegue, ou seja, colher o maior número de pontos neste início (de Série B) porque eles podem fazer diferença na parte final da competição”, disse o técnico Rogério Ceni.

O Fortaleza viajou com força máxima para Goiânia, mas Ceni deixou em dúvida se lança todos os titulares logo de início. “A gente tem que cuidar de algumas peças, principalmente as de velocidade, para que não tenham lesão. Por isso vamos analisar a melhor formação. Se a gente mudar, vamos ter jogadores que chegaram agora, como Minho, Marcinho e Wilson entrando, ou trazer Marlon e Dodô para o meio. Mas vai depender de uma conversa com jogadores, departamento de fisiologia e físico”, faz mistério. A tendência, no entanto, é que não aconteçam mudanças.

Há quatro rodadas, o encontro entre Fortaleza e Vila Nova seria a partida mais esperada na Série B. As duas equipes tinham uma campanha impecável e brigavam pela liderança. Dos últimos 12 pontos que disputou, no entanto, o Tigre conquistou apenas um e despencou para a sétima colocação.

Se a batalha por posições não esquenta mais tanto assim a partida, pequenos detalhes cumprem esse papel. O principal deles é o jogador Alan Mineiro. O meia era tido como principal contratação do Leão para a temporada 2018, mas não rendeu e saiu do Pici por insatisfação. No Vila é titular absoluto e já marcou dois gols.

O técnico Hemerson Maria é outro que vai reencontrar o Tricolor após saída turbulenta. Em 2017, foi demitido ainda em fevereiro pelo mau desempenho do Leão na Copa do Nordeste e eliminação precoce na Copa do Brasil.

Para o jogo desta noite, ele não contará com o volante Geovane, capitão da equipe, suspenso, que será substituído por Moacir. Os defensores Wesley Matos e Gastón Filgueira retornam de suspensão e foram confirmados por Maria. O treinador só faz mistério sobre a formação do ataque.

pab

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *