Home > Blog > Casal 20 completa um ano no Céu. Por Arruda Bastos

Casal 20 completa um ano no Céu. Por Arruda Bastos

Um ano se passou desde que minha querida mãe foi para sua morada definitiva no Céu. Eu lembro bem, como se fosse hoje, da sua feição serena e tranquila, características de quem sabe que na terra cumpriu bem os desígnios de Deus e a sua missão. O relógio marcava 15 horas e 30 minutos da quinta-feira, 31 de agosto de 2017, quando tudo se consumou.

Meu pai, por insondável obra do destino, deixou-nos há 17 anos, no dia 01 de setembro de 2001, em um sábado, por volta também das 15 horas e 30 minutos. Partiu para a casa do Pai e, embora de forma inesperada, da mesma forma que minha mãe, com a tranquilidade dos justos e a certeza do dever cumprido em todos os aspectos nesse mundo de meu Deus.

O casamento deles aconteceu em 06 de dezembro de 1943, na cidade de Baturité, uma segunda-feira, na capela da casa do meu tio Comendador Ananias Arruda. Na ocasião, meu pai era um rapaz elegante e charmoso com seus 26 anos e minha mãe, uma bela jovem donzela nos seus 19 anos. O matrimônio se prolongou por profícuos 57 anos.

O casal gerou uma família abençoada de 09 filhos, 30 netos e, até agora, 33 bisnetos, com o nascimento, há poucos dias, do meu netinho Lucca. Seu exemplo de amor, fidelidade e devoção a Deus inspira todos nós. Pensando, então, resolvi escrever essa crônica com alegria, deixando a tristeza de lado e passando a celebrar o encontro dos dois no Céu.

Assim sendo, nossa contagem de agora em diante passa a ser de 01 ano juntos no Céu e 57 anos de casados na terra. O encontro, agora, é celestial e de forma definitiva. O lapso temporal de 16 anos de viuvez foi só um detalhe diante da eternidade que, hoje, eles desfrutam. Jesus disse: “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e quem vive e crê em mim nunca morrerá”.

Digo aos mais jovens que “Casal 20” é uma expressão que se tornou popular a partir do seriado americano Hart to Hart, que foi sucesso entre 1979 e 1984. A série, do romancista Sidney Sheldon, era protagonizada pelo casal Jonathan (Robert Wagner) e Jennifer Hart (Stefanie Powers). Essa expressão foi muito utilizada quando pessoas consideradas “nota 10”, como meus pais, formavam um casal exemplar.

Para concluir, rogo a Deus e a Nossa Senhora para que o exemplo deixado por nossos pais continue a inspirar todos os casais, a fim de que eles possam, no amor de Cristo, ser a luz para suas famílias e a inspiração para uma legião de casais 20.

Arruda Bastos é médico, professor universitário, membro da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores e um filho saudoso do casal 20 que tinha como pais.

Arruda Bastos
Médico, professor universitário dos cursos de Medicina e Enfermagem, especialista em Gestão em Saúde e Saúde Pública, escritor, radialista, ex-Secretário da Saúde do Estado do Ceará e coordenador do Movimento Médicos pela Democracia.
http://www.portalarrudabastos.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *