Home > Destaque > Mortes nas estradas caem 40% durante feriadão de Natal, segundo a PRF

Mortes nas estradas caem 40% durante feriadão de Natal, segundo a PRF

Durante o feriadão de Natal em 2018, houve redução de 40% no número de óbitos em decorrência de acidentes nas rodovias federais do Estado, no comparativo com o mesmo período do ano anterior. Foram registrados três mortes, duas a menos que em 2017. Houve ainda diminuição de 35% nos acidentes e 14% no total de feridos.
Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 26, pela Polícia Rodoviário Federal (PRF). A fiscalização acontece nos locais e horários de maior fluxo de veículos. A Operação Natal 2018 começou na sexta-feira, 21, e encerrou na meia-noite dessa terça-feira, 25.
No total, foram registrados 25 acidentes, deixando três mortos e 29 pessoas feridas. Em 2017, aconteceram 39 acidentes, resultando em 34 pessoas feridas e cinco óbitos.
Os acidentes fatais
A primeira morte nas rodovias federais durante o feriadão ocorreu no município de Pacajus, a 57,5 quilômetros de Fortaleza, na madrugada de sábado, 22, no km 46,5 da BR-116. Na terça-feira, 25, às 4h50min, no km da BR-116 um ciclista foi atropelado e faleceu em Itaitinga, distante 31,1 quilômetros da Capital. O carro fugiu do local após o acidente, conforme a PRF.
No mesmo dia, às 8 horas, em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), um pedestre foi atropelado e veio a óbito no km 408 da BR-020. A vítima não foi identificada.
Fiscalização, excesso de velocidade e embriaguez ao volante
Na Operação Natal foram fiscalizados 7.563 veículos, resultando em 2.577 autos de infração lavrados. 2.519 motoristas foram flagrados pelos radares da PRF dirigindo em excesso de velocidade. De acordo com a PRF, no sábado, 22, no km 178 da BR-222, em Sobral, uma motocicleta trafegou a 166 km/h.
Além disso, 2.322 testes do bafômetro foram realizados, totalizando 28 pessoas autuadas e duas detidas por embriaguez ao volante.
Fonte: O Povo
pab

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *