Home > Blog > Arruda Bastos: Lara, minha netinha ansiosamente aguardada, chegou

Arruda Bastos: Lara, minha netinha ansiosamente aguardada, chegou

Hoje, dia 22 de abril de 2019, às 8 horas e 27 minutos, pesando 3 quilos e 100 gramas e medindo 48 centímetros, nasceu no Hospital Gênesis, aqui em Fortaleza, minha quarta netinha, Lara. Ela, que era ansiosamente aguardada, é filha do meu querido filho primogênito, Bruno, e da minha estimada nora, Laís.

Sua chegada foi tranquila, sem sobressaltos, e tudo transcorreu bem, com o carinho das famílias Cordeiro Bastos e Paula Pessoa Parente, dentro do esperado pela equipe das competentes obstetras Laryssa Portela, Carol Gondim, do anestesista Albert Silveira, e da neonatologista Katia Mirelli. Só temos que agradecer a Deus pela dádiva da sua vida.

Com o novo rebento, agora são dois belos meninos e duas lindas netinhas: Levi e Lucca; Letícia e Lara. Cada qual mais sapeca que o outro e até mesmo Lara com seus poucos minutos de vida já disse a que veio com seu choro forte e APGAR 9/10, medida que os médicos utilizam para classificar a vitalidade das crianças ao nascer.

Lara chega ao mundo na mesma data em que se comemora o descobrimento do Brasil e logo depois de termos comemorado, no dia de ontem, a Páscoa com o tradicional almoço da família aqui em casa. Como sempre, foi um encontro lindo de muita alegria e confraternização. Ao final, fechamos com aquela prece de agradecimento pelo dia de hoje.

A Páscoa é uma das festividades mais importantes para o cristianismo, pois representa a ressurreição de Jesus Cristo, o filho de Deus. A data é comemorada anualmente no primeiro domingo após a primeira lua cheia que ocorre no início da primavera, no Hemisfério Norte, e do outono, no Hemisfério Sul. A data é sempre entre os dias 22 de março e 25 de abril.

Já a descoberta ou o descobrimento do Brasil refere-se à chegada oficial, em 22 de abril de 1500, da frota comandada por Pedro Álvares Cabral ao território denominado Ilha de Vera Cruz, terras que hoje compõem o território do Brasil, no litoral sul do atual estado da Bahia. Neste local existe um monte e ele foi batizado de Monte Pascoal, pois era época da Páscoa, exatamente como nesses dias. Lara, portanto, já chega abençoada por Deus.

Minha netinha será batizada como Lara Parente Bastos, o que mantém a tradição dos nomes iniciados com a letra “L” na família, agora já o oitavo. Pesquisando novamente, encontrei, entre outras definições para o nome Lara, o sentido de vitoriosa, o que, por coincidência, define bem a luta, a perseverança e as orações para sua concepção e hoje seu nascimento.

Desejo para minha netinha, a vitoriosa Lara, muita saúde, felicidades e alegria para que ela possa encher ainda mais os nossos corações de amor e, assim como Letícia, que é alegria; Levi, o decidido; e Lucca, o iluminado, confirma o que eu sempre escrevo nas minhas crônicas, que netos são presentes de Deus para seus avós e, no caso de hoje, para mim e Marcilia, Osmany e Eutália, e também para seus pais, Bruno e Laís, seus tios e para toda a família.

Para concluir, digo que Lara, minha nova netinha, é vitoriosa até no nome.

Arruda Bastos é médico, professor universitário, membro da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores e um avô apaixonado pelos seus netos.

Arruda Bastos
Médico, professor universitário dos cursos de Medicina e Enfermagem, especialista em Gestão em Saúde e Saúde Pública, escritor, radialista, ex-Secretário da Saúde do Estado do Ceará e coordenador do Movimento Médicos pela Democracia.
http://www.portalarrudabastos.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *