Home > Manoel Dias da Fonsêca Neto (Page 2)

Manoel Fonseca: Poetas do mundo somos

Poetas do mundo somos Da paz, os bravos guerreiros, Da vida, os mensageiros, Defendê-las nos propomos. Filhos da mãe natureza, Tão bela e tão maltratada, Por nós será sempre amada, Protegida com firmeza. Armas de destruição O Império reproduz, As trevas odeiam luz E plantam poluição. O caos é filho dileto Da ganância traiçoeira, Mas a história é parteira, Faz brotar um novo feto. Nós, poetas

Leia Mais

Manoel Fonseca: Será possível ganhar as eleições de 2018 sem fazer conchavo com a direita?

Tenho absoluta convicção que sim, se definirmos um programa minimo democrático e popular com posições claras e avançadas sobre a reforma agrária, demarcação de terras indígenas, legalização de terras dos quilombolas, quebra do monopólio midiático da Globo et caterva, reforma fiscal taxando lucros bancários, grandes fortunas e grandes heranças e

Leia Mais

Manoel Fonseca: “Navegar é preciso, Viver não é preciso.”

Vivemos uma conjuntura política de incertezas. Ou de uma certeza absoluta: nada detem os direitistas. O capital financeiro, de cérebro diabólico, dita as regras da destruição, faz chacota do povo, quebra continuadamente a resistência do campo popular e democrático, usando a mídia venal e inescrupulosa, o parlamento corrupto e ganancioso

Leia Mais

Manoel Fonseca: Reflexões a partir do artigo do Haddad na Revista Piauí

"Mas a Dilma não está acima das criticas, né? Cá entre nós, é íntegra, mas politicamente cometeu muitos​ equívocos." Em resposta a esta indagação, por eu ter dito que não tinha gostado do artigo de Hadadd, escrevi estas reflexões: Como Lula também cometeu muitos erros e muitos acertos. O artigo começa muito

Leia Mais